Obra Cupinzeiro

Esta casa, não tem pilares nem vigas, ou seja, a parede de cupinzeiro é uma parede estrutural, com seus 40 cm de espessura e um fio de arame farpado “amarrando” a casa, em uma fiada completa a cada 70cm.
As pedras de cupinzeiro, são retiradas do pasto e em seguida quebradas com uma picareta para formar pedras menores. Pronto, esse é o “tijolo”da casa.
Para realizar a fundação, procuramos o solo firme. Solo firme é a parte da terra onde ele já esta estável e com menor atividade biológica, geralmente, isso ocorre a uns 70 cm de profundidade. Como as paredes são muito grossas, elas também funcionam como grandes “pés”, por este motivo não fizemos uma fundação com estacas ou sapatas, pois ela é praticamente uma sapata corrida. Oque fizemos foi cavar a 70cm de profundidade todos os lugares aonde seriam feitas as parede, piloar o fundo com de brita e depois fazer um lastro de concreto de 5cm de espessura. A partir daí começou a parede, que até sair a 30cm do nível do solo, colocamos um fio de arame farpado a cada fiada e “envelopamos”(revestimos aonde teria contado com o solo) a pedra de cupim com massa forte (3 areia : 1 cimento) para não subir umidade, proteçào que é fundamental para qualquer construção com terra. Depois continuamos a construção, conforme descrito acima.
As paredes foram assentadas com argamassa convencional de cimento e areia, pois esta seria a primeira construção desse tipo que tínhamos conhecimento, por este motivo, a investigaçào tem que ser mais lenta, uma inovação por vez… Afinal, sendo assim, se surge um problema construtivo, conseguimos detectar o motivo, pois as variantes são poucas. Esse é o método de pesquisa científico, o qual é muito útil em determinadas situações.
Funcionou, a casa esta firme e forte, da próxima vez faremos uma casa de cupinzeiro totalmente assentada em massa a base de terra, pois estamos tranquilos em relação a variante “é possível construir uma casa de dois andares com parede estrutural de cupinzeiro” e podemos acrescentar “… e assentada com argamassa de terra arenosa com cal”. E assim a nossa investigação continua, qualquer contribuição de outros “investigadores” será muito bem vinda e gostaria muito de disponibilizar neste site para darmos mais um passo na construção deste outro mundo possível.

10 Comentários a “Obra Cupinzeiro”


  • interessante, só não sei por quanto tempo a chuva vai deixar essa construção de pé, mas acho que valeu o experimento.

  • Olá, obrigado pelo interesse.
    Esta casa já em 6 anos, sem nenhum problema estrutural e de comprometimento das paredes. Na verdade, você pode construir com terra crua de diversas maneiras, protegendo os “pés” e a cobertura da chuva e umidade. Existem construções assim pelo mundo inteiro com mais de 700 anos.
    Um abraço

  • vc usan algum produto para conservar?
    como deve ser o cupinzero?

  • Olá Bella, tudo jóia.
    Esta casa é Projeto do Arquiteto Vitor Lotufo. O Cupinzeiro utilizado foi o daqueles montículos que encontramos nos pastos, só não use a parte mole e preta que tem dentro dele, o resto pode usar.
    Não utilizamos produtos para conservar, apenas fizemos acabamento convencional, chapisco, reboco e tinta a base de cal e terra.
    Depois de 7 anos de vida dá para perceber que o acabamento poderia tranquilamente ser feito a base de reboco natural, ou seja 0 (Zero) cimento e 0 (Zero) aditivo a base de petróleo.
    Acho que por ai podemos começar a pensar na possibilidade de sermos livres.
    Um abraço

  • Olá! achei interessante este tipo de construção, temos um sítio em area de pantanal, uma área rica em Cupinzeiro,bem como vamos construir nossa moradia, gostaria de saber sobre cursos e demais atividades relacionadas a permacultura. Grata Rosa Mari

  • Querido Tomaz, sempre acompanho seu blog e seus excelentes experimentos.

    Aqui na roça em MG estou reformando a casa e é um lugar muito úmido, assim eu quero levantar a fundação talvez até meio metro, percorrendo um perimetro de 22 metros.

    Enfim, eu gostaria de saber quanto rende o cupinzeiro, quantos será que eu precisaria pra fazer esse perimetro.

    Sei que o valor pode ser aproximado, mas já ajuda bastante na hora de correr atrás dos cupinzeiros.

    Saudações Gaianas,

    Diogo

  • Olá Diogo, tudo bom. Fico feliz com o contato.
    Imagine que um cupinzeiro tem em média, 70 cm de altura por 50 cm de espessura, no corte, um pouco disso será perdido, então 0,60 x 0,40 será considerado.
    Portanto temos de volume médio por cupinzeiro 0,125 (área da espessura) x 0,60 (altura) = 0,075. Você precisa de aprox. 13 cupinzeiros por metro cúbico de parede.
    A parede fica com 35 cm de espessura, cada metro linear com 1 m de altura tem 0,35 metros cúbicos.
    Então, para cada 3 metros lineares com 1 metro de altura(1 metro cúbico), você precisará de 13 cupinzeiros.
    Abraços Gaianos para você também
    Tomaz

  • Olá Tomaz, obrigado pela resposta!

    Arrumei os cupinzeiros, e já fizemos a fundação com eles, subimos meio metro do chão. Uma coisa que eu percebi é que ao cortar (ou quebrar com uma cavadeira) os cupinzeiros, deixando o coração dele inteiro, depois de uns 3 dias os cupins migram do pedaço quebrado de volta para o coração do cupinzeiro. E em mais alguns dias eles reconstroem toda a parte que foi quebrada ou cortada. É uma fabrica de tijolo viva! Sem contar que a massa que eles produzem para reparar o cupinzeiro, quando fresca, é maleável, impermeavel e extremamente resistente.

    Só queria compartilhar isso com vcs. Por enquanto não tenho as fotos, um dia vou colocá-las no meu blog. Abração!

    Diogo

  • Olá,

    Tenho com algumas duvidas para esclarecer, estou me preparando e estudando para começar minha casa, e gostaria de estrutura-la com os cupinzeiros e entulhos. Primeiro queria saber como faço para os cupins sair dos cupinzeiros antes de colocar na estrutura da casa? Segundo, seria sobre a base da casa, em vez de ser feita com brita e cimento se vocês sabem se a estrutura pode ser feita com entulhos, resto de construção? E terceiro sobre a junção dos blocos de cupinzeiro, que são como tijolos, qual a massa que pode ser usada entre eles além do cimento, o adobe poderia ser um substituto ?

    Agradeço desde já

    Silvana

  • Olá Silvana,

    Os cupins são como as abelhas, eles ficam com a rainha. A rainha mora em uma parte mais mole do cupinzeiro, esta não usamos para construir.
    A base pode ser feita de entulhos sim. Para unir os blocos de cupinzeiro você pode usar terra não orgânica misturada com cal.
    Boa sorte.

Deixe um Comentário




%d blogueiros gostam disto: